Mitos e verdades sobre surdez

Teste seus conhecimentos e descubra se você sabe tudo sobre surdez

Existem muitos mitos e verdades quando o assunto é surdez. Confira a seguir alguns deles e teste seus conhecimentos! Descubra se você sabe tudo sobre perda auditiva


Existem três tipos de surdez

VERDADE. A surdez condutiva acontece quando existem problemas na orelha externa ou média, como acúmulo de cera ou secreções, infecções de ouvido ou problemas no tímpano. Já a surdez sensorioneural, também chamada de surdez neurossensorial, ocorre a partir de problemas causados na orelha interna, como danos no nervo auditivo ou na cóclea, além de tumores ou lesões vasculares. E a surdez mista, que pode ser a soma das duas anteriores.


Se uma pessoa não escuta sons abaixo de 20-25 decibéis (dB), pode ser considerada surda?

VERDADE. Sim, se uma pessoa não ouve sons abaixo dessa frequência, ela pode ter perda auditiva. Os graus da surdez são: 

LEVE (21 A 40 dB) – Quando uma pessoa tem incapacidade de ouvir sons suaves e dificuldade para entender a fala e alguns sons como o canto dos passarinhos, principalmente em locais com muito ruído

MODERADA (41 A 70 dB) – Neste caso, há dificuldade para ouvir o latir do cachorro, bebê chorando, aspirador de pó e outros ruídos mais altos e incapacidade de compreender a fala

SEVERA (71 A 90 dB) – Pessoas com este tipo de perda auditiva não conseguem ouvir o o toque do telefone, compreender a fala, por exemplo

PROFUNDA ( > 91 dB) –  Já as pessoas com perda auditiva profunda não ouvem sons considerados muito altos como uma máquina de cortar grama, um caminhão, a turbina de um avião. Alguns sons extremamente altos são audíveis, mas a comunicação sem o aparelho auditivo é impossível.


Cera de ouvido em excesso pode deixar a pessoa surda. 

VERDADE. O acumulo da cera de ouvido pode causar o que os especialistas chamam de rolha de cera. Essa “barreira” de cerume impede que o som chegue ao tímpano e o faça vibrar, causando um tipo de surdez. Normalmente, quando o otorrinolaringologista faz a retirada dessa cera, o paciente volta a ouvir. Confira curiosidades sobre a cera de ouvido!


Doenças adquiridas durante a gravidez como sífilis e toxoplasmose não afetam o bebê.

MITO. Algumas doenças durante a gestação podem causar surdez congênita. São elas rubéola, toxoplasmose, sarampo, sífilis, herpes, diabetes, pressão alta e meningite. Infecções, alguns medicamentos ototóxicos também podem prejudicar a audição do bebê.



Se uma pessoa gritar no meu ouvido, posso ter surdez súbita. 

DEPENDE. Barulhos altos realmente podem causar traumas acústicos que provocam a surdez súbita, mas é meio improvável que um grito possa ter a frequência para causar esse tipo de dano. Normalmente, a surdez súbita ou repentina acontece, além de casos de traumas acústicos, por problemas genéticos, doenças autoimunes, vasculares, infecciosas ou devido à pressão acarretando em perda auditiva súbita.


Muitos casos de zumbido no ouvido podem estar relacionados com a surdez. 

VERDADE. A perda auditiva ou surdez é uma das principais causas de zumbido no ouvido, mas cada caso é um caso. O ideal é que a pessoa que sofre com o tinido procure um otorrinolaringologista para saber se o aparelho auditivo – também conhecido como aparelho de ouvido ou aparelho para surdez – pode ajudar no seu caso. 


Uma pessoa surda só conversa por linguagem de sinais.

MITO. Existem os chamados surdos oralizados, pessoas que desenvolveram a fala apesar da perda auditiva. Muitas dessas pessoas podem se comunicar com a ajuda dos aparelhos auditivos ou de leitura labial. 


Quanto mais cedo descobrir a surdez, melhor será o resultado do tratamento. 

VERDADE. A falta dos estímulos sonoros – como a que acontece na surdez – pode levar à atrofia do nervo auditivo e consequentemente a série de problemas que vão muito além da audição. Por isso é importante não esperar para buscar ajuda. O uso de aparelhos auditivos pode contribuir – e muito – para a qualidade de vida das pessoas. Cinco benefícios de usar aparelho auditivo!


Você sabe qual a diferença entre surdez e deficiência auditiva? Descubra aqui!

Acha que pode estar surdo? Faça o nosso teste auditivo e descubra!