Músicos famosos que possuem problemas de audição

Pessoas expostas ao som alto estão propensas a terem complicações


Compartilhar

Por mais curioso que seja, muitos dos músicos mais conhecidos e famosos possuem alguns problemas de audição, o que certamente não foi um obstáculo para a construção de carreiras sólidas e reconhecidas mundialmente.

Estes exemplos de superação são interessantes, até para que se saiba que um problema auditivo não pode parar você ou suas atividades, podendo inclusive manter muitas dessas atividades como rotineiras.


Vale lembrar que é possível até para você, desde que tenha um acompanhamento mais de perto feito por especialistas, para que você consiga um apoio melhor até que possa desenvolver todas as suas atividades naturalmente.

Músicos com problemas de audição

Não deixe sua saúde auditiva para depois. Teste um aparelho auditivo totalmente Grátis este mês na Direito de Ouvir!

Número de testes limitado a 250 por mês, restam .


Como já foi dito, existem casos reais de músicos que mesmo com perda da audição ou com problemas auditivos, conseguiram produzir obras memoráveis e até famosas, que todos conhecemos e até recomendamos para outros.

Fato é que para estes exemplos a perda da audição ou parte dela não foi motivo de deixar de praticar suas atividades rotineiras, o que é muito curioso visto a condição que está sendo analisada.

Sendo assim, traremos os exemplos mais conhecidos e que você pode ter como foco para tratar a sua situação e principalmente conseguir vencer essa condição que muitas vezes não é de fato favorável.

Beethoven

Um dos maiores da música clássica e dono de uma das sinfonias mais tocadas no mundo até hoje, era surdo, e poucas pessoas sabem dizer qual foi o motivo.

O que se sabe é que Beethoven utilizava a vibração que as notas produziam para compor suas peças, e então conseguiu produzir uma obra muito invejável por muitos.

Como ele adquiriu o problema em sua audição não se sabe, mas existem várias teorias de como foi que aconteceu, não sendo importante falar sobre isso agora.

O importante é dizer que mesmo com problemas auditivos graves, ele foi capaz de construir uma carreira tão sólida e reconhecida mundialmente por todos.

Pete Townshend

A banda The Who já fez muito sucesso com suas músicas e canções feitas minuciosamente, mas poucas pessoas sabem de algo comum em todos na banda.

Se sabe que todos os integrantes sofriam de algum problema na audição, e o guitarrista Pete Townshend foi um dos mais afetados, e o que apresentou o quadro mais grave.

Ele disse em uma entrevista que o uso de sons muito altos assim como as performances pirotécnicas favoreceram que ele apresentasse problemas graves na audição.

A perda foi progressiva, mas nada impediu que ele fosse produzindo sua obra e suas canções, muitas delas eternizadas e com este pequeno detalhe como plano de fundo.

Will.I.Am

Will.I. Am é um dos músicos e produtores mais conhecidos, principalmente por ser um dos fundadores do grupo de maior sucesso nos anos 2000 The Black Eyed Peas.

Ainda hoje ele é muito ativo musicalmente e produz sempre músicas interessantes, seja sozinho ou com parcerias que se juntam a ele nesse sentido.

Fato é que ele relatou que todas às vezes que se pega em um espaço silencioso, é tomado por um zumbido no ouvido muito alto e insuportável, causando até dores.

Neste momento ele vai produzir canções, que é uma forma de manter o equilíbrio e esquecer, nem que seja por poucos momentos, a dor que está sentindo.

Phil Collins

Phil é uma das personalidades musicais mais conhecidas e respeitadas, tendo ganhado importantes prêmios durante sua carreira musical.

No entanto, em meados de 2011 anunciou que não iria mais realizar shows porque estava sendo incomodado por um zumbido no ouvido consistente e que já o acompanhava há algum tempo.

Isso quer dizer que parte de sua vida ativa musical foi feita juntamente com esse problema auditivo, o que é muito curioso.

A causa não é totalmente conhecida, mas a suspeita é a altura do som nos shows que fazia constantemente.

Eric Clapton

Um dos guitarristas mais importantes, o britânico Clapton já falou sobre o problema de audição que possui e que até se arrepende de não ter dado a importância devida.

Ele afirmou que desenvolveu zumbido no ouvido por fazer inúmeros shows frente a uma caixa de som em um volume absurdo, e que foi essa a real causa.

Ainda diz que se pudesse voltar no tempo teria diminuído o volume ou pelo menos cuidado para não desenvolver algo tão ruim para a sua saúde.

Noel Gallagher

Noel Gallagher também sofre do mesmo problema de zumbido, e desenvolveu enquanto era guitarrista da banda mundialmente conhecida Oasis.

Durante esse período a intensa maratona de shows e exposições recorrentes a sons muito altos, fez com que o guitarrista desenvolvesse esse tipo de problema.

No entanto, o mesmo diz que não se arrepende e até gostou, pois conseguiu curtir muito e produzir com qualidade enquanto esteve no Oasis.

Chris Martin

Chris Martin, cantor da banda Coldplay é mais um que carrega em sua história problemas com zumbidos no ouvido, o que deve ser muito bem observado.

Em entrevista, o cantor afirmou que esta situação foi decorrente do inconsequente uso de fones enquanto era adolescente, e que se arrepende hoje de não ter o cuidado adequado.

Ainda assim, até hoje ele consegue pensar em cada música e desenvolver um excelente trabalho, sem que esse problema seja motivo de desistência. Veja mais o que fones de ouvido podem causar.

Neil Young

Neil Young possui vários discos lançados na carreira e também acumula muitos prêmios, mas também carrega o problema de zumbido no ouvido, que o acompanhou por anos.

Mesmo assim foi o responsável por obras inesquecíveis e que lhe renderam prêmios importantes, além do reconhecimento de fato que merecia por sua obra.

A ocorrência do zumbido foi por conta de exposição a ruídos muito altos desde muito cedo, o que acarretou neste problema auditivo que foi desenvolvido.

Existem muitos músicos com problemas auditivos, que negligenciaram seus cuidados e também não tiveram o acompanhamento correto de cada caso.

Na Direito de Ouvir você pode ter o acompanhamento com os mais capacitados profissionais que além de indicarem o tratamento correto, também podem resolver o seu problema, para que você retome a sua vida normalmente.