Descubra qual o preço dos aparelhos auditivos

o que está incluso no valor e como o investimento pode resolver seu problema auditivo


Compartilhar

Em vez de ler, que tal ouvir o post? Experimente no player abaixo.

Você fez seu teste de audição e descobriu que a solução para o seu problema auditivo é usar aparelhos auditivos. Uma das principais dúvidas que vêm à mente neste momento é: qual o preço do aparelho auditivo?

Mas, ao pesquisar na internet você pode acabar se confundindo ainda mais. É bem provável que você encontre aparelhos auditivos que custam em torno de R$100,00 e outros que valem mais de R$15.000,00.


Essa diferença de preço é assustadora, mas tem explicação. E é exatamente sobre isto que vamos abordar neste artigo. A seguir, explicaremos como diferenciar os aparelhos auditivos e quais fatores que afetam o preço dos dispositivos.

Aparelhos auditivos: um investimento que muda a vida

Não deixe sua saúde auditiva para depois. Teste um aparelho auditivo totalmente Grátis este mês na Direito de Ouvir!

Número de testes limitado a 250 por mês, restam .


Mesmo cientes de seu problema auditivo, algumas pessoas relutam em comprar aparelhos auditivos por causa do preço. No entanto, depois que colocam as próteses pela primeira vez, nem imaginam a vida sem.

Sim, os aparelhos auditivos são um grande investimento. Mas, mesmo que no momento da compra, os dispositivos tenham um custo alto, os usuários se beneficiam diariamente dos benefícios e vantagens desse investimento.

Conseguir ouvir novamente os sons ao seu redor e encontrar o prazer de conversar com seus amigos e familiares são sensações que as pessoas que usam aparelhos auditivos podem voltar a sentir diariamente.

O que interfere no preço de um aparelho auditivo

Naturalmente, existem aparelhos auditivos de todos os preços. Isso acontece porque o valor final dos dispositivos depende de vários fatores. São eles:

Suas necessidades

Um bom aparelho auditivo é algo muito pessoal. Ele precisa se adaptar às suas necessidades e estilo de vida. Então, antes de analisar o preço, considere:

• Qual seu nível de perda auditiva?

• Você costuma frequentar shows, baladas ou outros ambientes barulhentos?

• A manutenção é um requisito importante para você?

Você trabalha em locais ruidosos?

Responder a essas perguntas é o primeiro passo para compreender o que é um aparelho auditivo ideal para você e em qual faixa de preço ele se encontra. Quanto mais itens ou tecnologia avançada forem necessários, mais caro será o dispositivo. Da mesma forma, quanto mais básico, mais barato será.

É importante que o fonoaudiólogo analise suas necessidades com você para determinar qual o dispositivo ideal levando em consideração seu orçamento disponível.

Tipo de aparelho

A diferença de preço entre os aparelhos auditivos também está relacionada ao tipo de dispositivo que você escolhe. Basicamente, existem três tipos: intra-auriculares, atrás da orelha ou com alto-falante.

Nesse sentido, a escolha do melhor dispositivo depende, por exemplo, do grau de perda auditiva e da facilidade de manutenção. Obviamente, um aparelho auditivo colocado no ouvido exigirá mais cuidados do que um dispositivo colocado atrás da orelha.

Pode parecer muita coisa para considerar, mas pode ficar tranquilo. Com o auxílio de um fonoaudiólogo ficará muito mais fácil encontrar um aparelho auditivo que esteja perfeitamente adequado ao seu problema auditivo e ao seu estilo de vida.

Na Rede de Clínicas Direito de Ouvir, todos os aparelhos auditivos proporcionam uma excelente qualidade de som, ótima clareza de fala e redução de ruído de fundo, independentemente do tipo e nível de tecnologia.

Todos os acessórios que você escolher

Existem vários recursos avançados que você pode incluir em seu aparelho para proporcionar uma melhor experiência auditiva. Por exemplo, pode ser uma conectividade sem fio para você emparelhar a prótese com outros dispositivos eletrônicos da casa, controle remoto, microfone externo, entre outras opções.

É importante estar ciente que cada item a mais vai pesar no preço final do aparelho auditivo.

O que está incluso no preço dos aparelhos auditivos

Por mais que os preços dos aparelhos auditivos sejam altos, é importante que você saiba que o valor não inclui apenas o dispositivo em si. Na maioria dos casos, há muitos outros serviços que fazem parte do investimento.

De fato, a intervenção do profissional de saúde auditiva vai além da simples venda da prótese auditiva. Assim, quando você consulta com uma fonoaudióloga da Direito de Ouvir, ela explicará tudo que faz parte do preço.

Geralmente, a compra inclui:

• Consulta com fonoaudiólogo;

• Avaliação auditiva;

• Um teste gratuito durante sete dias para que você possa se familiarizar com a prótese;

• Ajustes no aparelho;

• Acompanhamento profissional durante o período de adaptação;

• Garantia de 2 anos.

Afinal, quanto custa um aparelho auditivo?

Conforme já explicamos, o preço de um aparelho auditivo depende muito de suas necessidades e requisitos. Assim, você pode adquirir um aparelho auditivo de boa qualidade e nível básico por volta de R$3.500,00. Os aparelhos de nível tecnológico intermediário, os mais vendidos, têm preços que variam de $3.500,00 a R$10.000,00. Por outro lado, se você quer um aparelho mais sofisticado, o preço dos modelos com tecnologia avançada é cerca de R$10.000,00, podendo chegar a custar até R$20.000,00.

Tais valores são apenas um referencial para você que está passando pelo processo de obter um aparelho auditivo. Mas, por se tratar de um investimento na sua saúde e qualidade de vida, é preciso olhar sob uma outra perspectiva.

Os aparelhos auditivos duram, em média, cinco anos. Com os cuidados adequados, como manter longe da umidade e fazer a limpeza regularmente, a vida útil da prótese pode ser até maior. Assim, se os seus aparelhos auditivos custaram R$4.000,00 e durarem cinco anos, eles custarão R$800,00 por ano, R$66,66 por mês ou R$2,22 por dia.

Em outras palavras, o preço de um aparelho auditivo pode ser alto inicialmente mas, o valor a longo prazo é razoável. Além disso, ao considerar todos os benefícios para seus relacionamentos interpessoais, comunicação, saúde e qualidade de vida decorrentes do uso de aparelhos auditivos, fica fácil perceber como o investimento é vantajoso.

Em resumo

Embora o custo de seus aparelhos auditivo seja importante para sua satisfação geral, outros fatores precisam ser considerados antes de fazer a compra. Por isso, é importante procurar um profissional ou empresa de saúde auditiva de confiança para melhorar sua experiência no tratamento.

• Explique ao profissional como é o seu estilo de vida e suas necessidades;

• Selecione alguns aparelhos auditivos e pergunte quais são as metas alcançáveis com cada um;

• Anote seus objetivos e compare se o modelo atende às suas expectativas;

• Teste o aparelho antes de finalizar a compra;

• É fundamental comparecer às consultas após comprar o aparelho. Assim, o fonoaudiólogo pode fazer os ajustes necessários para melhorar sua experiência auditiva;

• Negocie.

Na Direito de Ouvir, por exemplo, os pacientes conseguem condições de pagamento exclusivas e facilitadas.