Categoria: Perda Auditiva.

aparelhos-auditivos-alimentacao-saudavel

 

Você já parou para pensar que manter uma alimentação saudável e balanceada pode fazer a diferença não só para o corpo e sua boa forma, mas também para a saúde da sua audição? Pois acredite, isso é verdade! Existem alguns alimentos que podem reduzir o risco de desenvolver a perda auditiva ou impedir que ela ou outros problemas auditivos progridam. Quer saber mais? Confira a seguir quais são os alimentos que fazem bem para a audição e quais deles podem prejudicá-la:

Banana, batata e espinafre para escutar melhor!

Um dos nutrientes mais importantes para a saúde auditiva é o potássio. Se ingerido em poucas quantidades, este mineral pode influenciar na perda auditiva. A explicação para isso é simples: o potássio é o responsável por suportar a transmissão de impulsos nervosos, então é recomendável a ingestão de frutas como: damasco, banana, melão e laranja, além de batata, espinafre, feijão e leite.

Amêndoas, manteiga de amendoim e frutas cítricas

aparelhos-auditivos-alimentacao-saudavel

Alimentos famosos por sua vitamina C, como limão, laranja, tangerina, e aqueles ricos em vitamina E, como amêndoas, óleo de girassol e manteiga de amendoim também podem ajudar – e muito – quando o assunto é afastar os problemas auditivos.

Os especialistas em saúde auditiva recomendam o consumo em grandes quantidades dessas vitaminas porque elas ajudam a aliviar a perda auditiva, possibilitando a correção de deficiências nutricionais, aumentando a circulação sanguínea, melhorando o sistema imunológico e o combate à infecção.

Peixes são excelentes para a audição feminina

Para a audição feminina, estes não são os únicos aliados. Uma pesquisa do Hospital Brigham and Women, nos Estados Unidos, apontou que o consumo de duas ou mais porções de peixe por semana está associado a um menor risco de perdas auditivas em mulheres.

Para se chegar a essa conclusão foram analisadas 65.215 mulheres, que foram acompanhadas no período entre os anos de 1991 a 2009. Após aproximadamente 1.038.093 acompanhamentos dessas pessoas por ano, foram notificados 11.606 casos de perda auditiva incidente. A análise constatou que quanto maior o consumo de cada tipo de peixe específico menor era o risco de perda auditiva. Entenda por que isso acontece aqui.

Alimentação que pode prejudicar a saúde auditiva

Embora alguns alimentos façam muito bem para audição, outros como açúcares e carboidratos, quando consumidos em grande quantidade podem desenvolver problemas de audição.

A cafeína, encontrada no café e em refrigerantes a base de cola, em muitos estudos é apontada como uma inimiga da saúde auditiva. Em muitos estudos ela é vista como um fator que pode acentuar o incômodo do zumbido, mas em outros, como este aqui, ela pode ser considerada um “remédio” para o problema. Como o assunto ainda é controverso, a maioria dos especialistas indica o consumo com parcimônia da substância e, caso o paciente note piora, a suspensão completa da ingestão.

De qualquer modo, recomenda-se que as pessoas com perda auditiva sempre procurem a ajuda de um otorrinolaringologista e, principalmente, de uma nutricionista. Com o apoio multidisciplinar, será possível manter uma alimentação saudável e/ou para solucionar problemas relacionados com a sua audição.