A história do Dia dos Pais

Apresentamos um artigo com um compilado de informações a respeito do Dia dos Pais


Compartilhar

Tal como o Dia das Mães, a entrada do mês de agosto também simboliza uma data marcante, pois é comemorado também o Dia dos Pais. Além de ser uma data de extrema importância para o Brasil, ela é comemorada em diversos outros países como os Estados Unidos.

No Brasil, o Dia dos Pais é sempre celebrado no segundo domingo do mês de agosto. Em outros lugares a data é precisamente comemorada no terceiro domingo do mês de junho. Já em países como Portugal e Espanha, esse dia é celebrado integralmente no dia 19 de março. Apesar da diferença de datas de variadas nações, o Dia dos Pais se estabiliza como uma data de extrema importância em qualquer lugar do mundo.


Em nosso país, essa data teve início em 16 de agosto de 1953. Ela foi sugerida como um modo de celebrar e homenagear aos pais por Sylvio Bhering, um publicitário que na época comandava o jornal O Globo.

O objetivo da criação dessa data foi pura e exclusivamente oriundo de arquétipos publicitários e nada mais que isso, mas com o advento da religião, o Dia dos Pais acabou se tornando um símbolo muito significativo para a cultura brasileira onde é comemorada até hoje por pessoas de todo o mundo.

Não deixe sua saúde auditiva para depois. Teste um aparelho auditivo totalmente Grátis este mês na Direito de Ouvir!

Número de testes limitado a 250 por mês, restam .


Vivência entre pais com problemas auditivos e familiares:

A criança ao nascer, passa a se adaptar a costumes que estão inseridos dentro do ambiente em que a pessoa convive. Consequentemente, a língua predominante dentro de uma casa passa a ser uma forma de aprendizado para a criança, mesmo que aquela língua não seja de sua fala original.

Em uma casa entre pais surdos e filhos ouvintes, é importante que haja uma comunicação entre todos que englobem aquele ambiente familiar, onde a criança possa desenvolver dois tipos de linguagem para uma melhor adaptação e comunicação com seus pais: a linguagem entre sinais e o modo comum em que a criança pode aprender a se comunicar com outras pessoas ouvintes.

Essas são algumas das características que podem ser salientadas por ouvintes que passam por situações de aprendizado e criação dentro de um ambiente onde uma das partes mais importantes como são mãe e pai, tendem a ter algum tipo de dificuldade auditiva, seja ela qual for.

Com boas informações e a normalização dos problemas auditivos, é possível uma boa e saudável convivência entre pais com problemas auditivos e seus familiares.

Alguma das causas que podem estar presentes dentro de um convívio entre pessoas com problemas auditivos e pessoas da família também podem alterar o modo de vivência dentro de uma casa, como:

• Afetar diretamente as relações pessoais entre pais e filhos;

• A comunicação pode diminuir, alterando todo o ciclo de comunicação saudável dentro de um ambiente estável;

• Algumas pessoas com deficiências auditivas tendem a mudar seu comportamento quando não são ouvidas de maneira correta, ou até mesmo retirar a paciência de pessoas que a princípio querem ajudar;

• Pode provocar momentos de solidão e frustrações dentro da própria casa;

• Altera todo o ciclo de atividades que antes eram consideradas rotineiras dentro do ambiente familiar;

• Consequentemente, pessoas com limitações auditivas tendem a se excluir de momentos que poderiam ser aproveitados de maneira saudável entre família e amigos.

Outro ponto a ser apresentado é que podem sim haver alternativas simples para que a convivência entre pessoas com algum tipo de deficiência auditiva possa aproveitar da melhor maneira possível tanto seus filhos quanto familiares.

A primeira parte do processo é reconhecer que a pessoa precisa de uma ajuda mais profissional e não ignorar os sinais aparentes que possam começar a surgir sem o tratamento devidamente adequado para cada tipo de paciente. Gritar e gesticular de maneira brusca nunca foi um caminho correto para que a pessoa com limitação auditiva possa te compreender melhor.

A harmonia dentro do ambiente familiar

Uma boa convivência dentro do viés familiar também pode ajudar para que não exista quaisquer tipos de desavenças ou conflitos derivados de patologias que não são culpa do portador. A paciência, resiliência e espírito de ajuda podem ser a chave para que o tratamento funcione da melhor maneira possível sem interferências externas.

Principalmente dentro do convívio com nossos pais que podem ser portadores de algumas limitações auditivas, é de extrema importância que eles também tenham consciência que uma ajuda profissional é necessária mesmo que o tratamento seja longo.

O apoio e suporte da estrutura familiar também equivalem a uma grande porcentagem de sucesso no tratamento de patologias auditivas, visto que acomete de maneira mais rápida em pessoas mais velhas e que já obtém uma estrutura familiar bem formada.

Nem sempre achamos que pessoas tão próximas de nós como nossos pais um dia precisariam de sua ajuda o tanto quanto precisamos da deles, mas são em momentos como esse que provamos o valor de mantermos por perto principalmente nossa família, que por mais que possam conter defeitos e falhas, são os que nos seguram quando ninguém mais pode.

O valor de um pai em nossas vidas equivale a todo o esforço do mundo que eles fizeram para que hoje possamos ter nossas próprias decisões, estudos, trabalhos e principalmente construirmos uma nova família assim como eles fizeram conosco antes.

Toda lágrima derramada de orgulho em alguma formatura da pré-escola, toda bronca que te fez repensar um milhão de vezes no que havia feito teria sido ruim, tudo isso é uma forma de demonstração de que eles estavam ali por nós todo o tempo, cuidando, observando, assistindo nossas vitórias.

A Direito de Ouvir deseja um feliz Dia dos Pais a todos aqueles que lutaram pelas suas famílias, pelos seus direitos e que hoje sofrem de alguma limitação auditiva. Desejamos paz, prosperidade e muita luz nesse caminho para que no futuro possamos construir pessoas empáticas, altruístas e pacientes. Que nesta caminhada, nossa empresa possa estar sempre junto de tantos pais que hoje integram o nosso time de clientes e que fazem da nossa empresa um lugar melhor. Feliz Dia dos Pais!

De toda a equipe,

Direito de Ouvir.