Por Direito de Ouvir

19 de agosto de 2021

Hoje não vivo sem meu aparelho auditivo!

Experiência da paciente Miriam, 65 anos.

19 de agosto de 2021


Olá!

Sou a Miriam e sofro com zumbido há mais de 40 anos, fiquei sempre buscando uma solução.

Minha experiência com a Direito de Ouvir está sendo muito boa, porque meu problema de zumbido aliviou substancialmente.

Descobri a Direito de Ouvir pelo Facebook e mandei uma mensagem.

Já tive contato com várias empresas de aparelhos auditivos, mas com preço exorbitante e a tentativa de me empurrar o aparelho, com a condição de que eu levaria uns seis a oito meses para me acostumar. E Isso me deixou desiludida quanto a essas empresas.

A Direito de Ouvir entrou em contato e eu marquei minha consulta e desmarquei muitas vezes por não acreditar que iria resolver.  Até que fui… e amei! Tive um super atendimento com a fonoaudióloga Jeanne Guimarães, de Curitiba. De lá saí com um aparelho auditivo para teste e já estava sentindo uma melhora imediata.
Segundo as pessoas que convivem comigo “minhas feições mudaram, se suavizaram”. Claro! Fiquei 40 anos buscando uma solução! Testei também outro aparelho auditivo de custo menor, mas voltei no mesmo dia para buscar “o meu aparelho” da Direito de Ouvir, pois já o considerava assim.
Tive vários atendimentos para ajuste, sempre com muito cuidado por parte da fonoaudióloga. E hoje não vivo sem meu aparelho maravilhoso. Sou outra pessoa, mais calma e mais feliz por ter encontrado a solução.


Miriam Reddin, tem 65 anos e é paciente da nossa parceira Fga. Jeanne Mara Guimarães, de Curitiba, desde 2019.


Marcadores
Experiência do Paciente
Nós usamos seus dados para analisar e personalizar nossos anúncios e serviços durante sua navegação em nossa plataforma. Ao continuar navegando pelo site Direito de Ouvir você nos autoriza a coletar tais informações e utilizá-las