Categoria: Imprensa, Prevenção da Perda Auditiva, Zumbido.

como-ouvir-musica-sem-prejudicar-audicao

 

No final do ano é comum fazemos balanços sobre os 365 dias que se passaram. Pare por um instante e pense: neste período, qual foi a trilha sonora da sua vida?

Que a música tem um poder quase mágico de despertar sensações ninguém discute. Ela embala romances, anima as festas, alegra as férias e transforma os dias ruins. Mas já parou para pensar que suas canções preferidas podem estar prejudicando sua saúde auditiva?

O problema não está na trilha sonora, mas no volume em que ela é ouvida. Escutar músicas com o som muito elevado durante muito tempo pode causar a morte de algumas células do ouvido. E essa perda auditiva, na maioria dos casos, é irreversível. A partir daí, é indicado o uso de aparelhos auditivos para auxiliar na reabilitação auditiva.

Como ouvir música sem prejudicar sua audição

Um bom termômetro para saber se o som está muito alto é a conversa. Se for preciso gritar para se fazer ouvir naquela tradicional festa de confraternização da família ou da empresa, abaixe o volume. Isso não é possível? Tente ficar o mais distante das caixas de som possível.

Vai ouvir música no carro? Caso dê para escutar as músicas do lado de fora do carro com os vidros fechados, também fique atento!

No caso do uso de fones de ouvido, a dica é a mesma. Se a pessoa do lado é capaz de ouvir o mesmo que você, está na hora de abaixar o volume. Além de não ultrapassar os 80% do máximo, faça pausas para descansar seus ouvidos. Confira outros cuidados ao usar os fones:

Prefira fones de ouvido que ficam externos à orelha – Os modelos intra-auriculares, menores e muito comuns hoje em dia, são mais prejudiciais. Quanto mais longe do conduto auditivo está a fonte de som, melhor. Até mesmo as “voltinhas” que nossas orelhas possuem são uma “solução” anatômica do nosso corpo que tem a finalidade de manter o som mais longe.

Cuide de seus fones de ouvido –  Mantenha seus fones em uma caixinha ou um saquinho plástico específico, ao invés de deixá-lo em contato direto com a bolsa, a mochila ou o bolso. Eles podem levar bactérias para dentro do ouvido, causando infecções que também podem gerar surdez, se não forem tratadas. Higienizar os fones com álcool sempre que possível também é uma boa saída.

Monitore sua capacidade auditiva –  Quando a pessoa percebe a diminuição da própria capacidade auditiva, muitas vezes já tem uma perda leve a moderada instalada. Por isso é preciso atenção.

Sinais que indicam que você está abusando da música

Se você anda abusando dos limites sonoros, saiba que zumbidos, sensação de ouvido tampado e dificuldade para escutar e entender o que as pessoas falam são alguns dos sinais que indicam que os problemas auditivos podem ter atingido você.

Neste caso, procure um especialista. É essencial que as pessoas fiquem atentas aos sinais da perda auditiva e consultem um otorrinolaringologista ao menos uma vez por ano.  Todo cuidado é pouco para que sua música preferida não se transforme na trilha sonora de um pesadelo. Cuide-se, previna-se, viva melhor. Ouvir não tem preço!

 

Quer saber como anda sua audição? Agende uma consulta com uma especialista na Direito de Ouvir!