Categoria: Aparelho Auditivo.

aparelho auditivo aparelhos auditivos Uso excessivo de Music Player pode causar lesu00e3o irreversu00edvel na audiu00e7u00e3o

 

A audição é considerada um dos sentidos fundamentais à vida, pois é a base da comunicação humana, proporcionando a troca de conhecimentos entre as pessoas, e uma melhor qualidade de vida.

A diminuição ou perda da audição vai além da sensação de ouvir, pois é a perda de um meio de se relacionar com o mundo. Através da audição podemos ouvir os sons que estão em nosso cotidiano. (RUSSO & SANTOS, 1993; PALMER, 2003).

O som sempre representou um papel importante na vida do ser humano, proporcionando experiências agradáveis, como a música e o canto das aves, e principalmente permite a comunicação com família e amigos. (DIAS & AFONSO, 2000).

aparelho auditivo aparelhos auditivos Uso excessivo de Music Player pode causar lesão irreversível na audiçãoGeralmente não pensamos na música como sendo um ruído, mas como um som agradável. Entretanto, a exposição diária a níveis elevados de pressão sonora, mesmo sendo música, pode causar prejuízo auditivo permanente na audição.

Os jovens se expõem a músicas em volume alto por diversão, mas não estão conscientes de que a exposição excessiva à musica alta pode resultar em perda auditiva. (CHUNG et al, 2005).  Segundo a norma regulamentadora 15 (NR-15) está fixado 85 dB como limite de tolerância para uma exposição durante 8 horas diárias, a ruídos contínuos ou intermitentes (BRASIL, 1978).

Som alto no carro pode provocar perda auditiva

Música e lesões na audição

O MP (Music player) é um dos dispositivos usados para escutar música. E, o uso excessivo desse aparelho pode causar a redução precoce da capacidade auditiva, porque o volume alto das músicas danifica as células responsáveis pelos sons agudos. A lesão é irreversível, é o que se chama de perda em gota, porque acontece progressivamente e a pessoa não consegue perceber o problema.

Apesar dos sintomas auditivos, é fato bem estabelecido que a música em níveis excessivos dê origem ao comprometimento mental e físico da pessoa exposta, podendo também apresentar efeitos extra-auditivos como: aumento dos batimentos cardíacos, contração do estômago e abdômen, dores de cabeça, dificuldade de atenção, vigília, entre outros. (GIORGI, 2002).

Grande parte da população tem acesso à internet o que facilita a troca ilegal de arquivos no formato MP. Desta forma, a queda dos custos de reprodução de música estimula o mercado a produzir equipamentos de amplificação sonora mais barata e com maior tecnologia e potência. Isso ressalva o fato de muitos adolescentes atualmente terem o acesso ao MP. (BENZE et al, 2009).

Diante disso é necessário que os adolescentes tenham conhecimento de que a música, que lhes dá tanto prazer, dependendo de como é ouvida pode trazer malefícios fisiológicos futuros, ou seja, pode ser considerada como poluição sonora.

Adolescentes correm mais risco de perder a audição. Entenda por que isso acontece!

Aplicativo permite que deficientes “sintam” a música!