Categoria: Audição, Prevenção da Perda Auditiva.

 

 

voce-ouve-bem

Você realmente ouve bem? Televisão muito alta, repetição de perguntas, dificuldade para falar ao telefone, isolamento e depressão, estes são alguns sintomas indicativos de perda auditiva, especialmente em pessoas idosas. O problema é comum também entre jovens, podendo ser congênito, causado por acidentes ou doenças e até mesmo pela exposição ao som alto. Independentemente da causa, sempre há uma solução para minimizar ou até mesmo reverter o problema, a partir de tratamentos e da tecnologia disponível.

“Muitos não percebem que têm o problema. Outros até sentem uma perda gradativa, mas adiam a visita ao médico e acabam agravando o problema” afirma a fonoaudióloga Andréa Abrahão, da Direito de Ouvir, rede de clínicas de reabilitação auditiva.

Segundo a especialista, o agravamento da perda auditiva poderia ser evitado caso as pessoas tivessem mais acesso a informações. Um simples exame de audiometria, por exemplo, identifica o problema em segundos e, a partir dele, a pessoa pode ser encaminhada para o tratamento mais adequado. “Ter a audição reabilitada significa muitas vezes recuperar a autoestima e qualidade de vida. Afora o fato de os aparelhos atuais serem mais acessíveis, mais confortáveis e serem muito mais discretos, uma característica importante, pois muitas pessoas deixam de usar o aparelho por vergonha.”

Confira este teste desenvolvido pelo NIDCD (Instituto Nacional de Deficiência Auditiva e Distúrbios de Comunicação) do Governo dos Estados Unidos, para ajudar as pessoas identificarem se possuem problemas auditivos.

TESTE: Você tem perda auditiva?

Se você tem entre 18-64 anos, as perguntas a seguir vão te ajudar a determinar se você precisa ter sua audição avaliada por um profissional de saúde. Responda SIM ou NÃO às perguntas:

1. Uma dificuldade para ouvir te faz sentir envergonhado quando você conhece pessoas?

[  ] Sim   [  ] Não
2. Uma dificuldade para ouvir te faz sentir frustrado quando você fala com familiares?

[  ] Sim   [  ] Não
3. Você tem dificuldade de escutar ou entender colegas de trabalho ou clientes?
[  ] Sim   [  ] Não
4. Você se sente mais devagar por ter uma dificuldade para ouvir?
[  ] Sim   [  ] Não
5. Uma dificuldade para ouvir te atrapalha ao visitar amigos, parentes ou vizinhos?
[  ] Sim   [  ] Não
6. Você tem dificuldades para acompanhar um filme no cinema ou peça de teatro?
[  ] Sim   [  ] Não
7. Uma dificuldade para ouvir te leva a ter discussões com familiares?
[  ] Sim   [  ] Não
8. Você tem dificuldade para ouvir a TV ou Rádio?

[  ] Sim   [  ] Não

9. Você sente que qualquer dificuldade que você tenha para ouvir atrapalhe sua vida social?

[  ] Sim   [  ] Não

10. Um problema auditivo te causa dificuldade quando está em um restaurante com relativos ou amigos?
[  ] Sim   [  ] Não

Se você respondeu “Sim” para três ou mais dessas perguntas, você deve visitar um médico otorrinolaringologista (especialista em orelhas, nariz e garganta) ou uma fonoaudióloga para uma avaliação auditiva.

Clique aqui para agendar uma consulta com um fonoaudiólogo da Direito de Ouvir!