Categoria: Perda Auditiva.

Aparelho Auditivo Aparelhos Auditivos Perda auditiva na infu00e2ncia

Você já parou para pensar como seria não escutar a voz da sua mãe ou de ninguém da sua família, não conseguir ouvir os passarinhos, a música ou mesmo o som de um carro se aproximando perigosamente enquanto você está cruzando a rua?

Num mundo em que a maioria das pessoas tem a função auditiva preservada, a fala e a capacidade de ouvir são fundamentais para se exercer atividades diárias como estudar, trabalhar e interagir com os outros.

As pessoas com deficiência auditiva têm ganhado cada vez mais espaço na sociedade, porém, ainda é difícil a inclusão de crianças com deficiência auditiva na educação, no mundo social e posteriormente, no mundo laboral.

Importância do diagnóstico precoce

Diagnosticar precocemente e oferecer tratamentos adequados que ajudam no estabelecimento da linguagem oral auxiliam na capacidade de ouvir e de se adaptar a sociedade de forma eficiente e natural. O fonoaudiólogo é o profissional que cumpre importante função na prevenção, diagnóstico e tratamento da deficiência auditiva.

Se diagnosticada antes dos seis meses de vida, a perda auditiva pode ser tratada e, no pior dos casos, pode ser implementado um programa de estimulação à criança e de formação e capacitação à sua família para desenvolver precocemente sistemas de comunicação eficientes, que permitam a inclusão social da criança com deficiência auditiva. Conheça mais sobre as fases do desenvolvimento da audição da criança!

A fonoaudiologia tem desenvolvido muitas estratégias e procedimentos, tanto para avaliar e detectar precocemente as alterações auditivas em bebês e crianças, quanto para orientar e capacitar as famílias para estimular as capacidades auditivas, a linguagem e a comunicação e permitir melhorar efetivamente a qualidade de vida. Tudo começa com o teste da orelhinha – saiba mais aqui!

Se você está esperando um bebê, tem uma criança pequena ou conhece alguém nesta situação, é conveniente consultar o serviço de saúde próximo e pedir a orientação de um fonoaudiólogo para estar preparado e prevenir qualquer dificuldade de forma rápida, oportuna e eficiente.

Pais: como lidar com a perda auditiva dos filhos?

Muitos pais perdem o chão quando descobrem a deficiência auditiva dos filhos. Insegurança, medo e vergonha podem ser alguns sentimentos comuns neste momento. Os pais não devem se sentir mal por passar por isso. Mas é importante que eles se preparem para ajudar os filhos: eles terão um papel fundamental no desenvolvimento das crianças com deficiência auditiva.

Uma dica é tentar superar a culpa. Muitas crianças com perda auditiva conseguem levar uma vida normal, ou seja, o problema auditivo não significa uma sentença de isolamento e solidão para os pequenos. Para quebrar a rejeição do seu filho com o aparelho auditivo, que tal começar por você?

Pare para pensar se você tem algum tipo de sentimento negativo com relação à prótese. É importante trabalhar esta questão para poder falar de maneira sincera com as crianças sobre o assunto. Vale a pena lembrar que a deficiência auditiva, conhecida popularmente como surdez, pode chamar muito mais atenção dos que os aparelhos auditivos. Confira outras dicas para lidar com a perda auditiva do seu filho aqui.

Fonte: www.osoldiario.clicrbs.com.br