Categoria: Franchising.

franqueados-Direito-de-Ouvir-Diadema2

A partir da segunda quinzena de junho, a cidade de Diadema recebe a primeira franquia da Direito de Ouvir, rede de clínicas de aparelhos auditivos. A empresa, que está no mercado desde 2007, tem como propósito ampliar o acesso à saúde auditiva e levar qualidade de vida às pessoas através de aparelhos com alta tecnologia e com preços acessíveis. A inauguração da nova franquia de Diadema contou com a presença de médicos da área e os interessados receberão gratuitamente um check-up auditivo.

Ao lado do marido Diego Scariot, a fonoaudióloga Francine Scariot comanda a loja, que ficará localizada na Avenida Alda, 272, Centro de Diadema. A especialista, que sempre teve o sonho de ter o próprio espaço para tratar pessoas com diferentes graus de deficiência auditiva, encontrou na Direito de Ouvir a oportunidade. ‘‘A expectativa é muito boa, pois sabemos que há uma carência na região de clinicas especializadas no assunto. Vamos devolver qualidade de vida para tantos moradores do ABC que sofrem com a perda de audição e inclui-los novamente na sociedade’’, afirma Francine.

Entre as vantagens que os moradores de Diadema terão com a chegada da clínica de reabilitação auditiva estão os preços mais acessíveis e condições de pagamento para adquirir aparelhos modernos.

CONHEÇA A DIREITO DE OUVIR

Além de uma loja própria e cinco franquias, a Direito de Ouvir mantem parceria com mais de 400 fonoaudiólogos em todo Brasil e atualmente é a empresa de maior capilaridade no segmento de aparelhos auditivos brasileiro.Um dos maiores impedimentos para uma pessoa com problema auditivo fazer o tratamento adequado é a vergonha e a insegurança de usar a prótese auditiva. Pensando nisso, a Direito de Ouvir tem o cuidado de trabalhar com aparelhos com designs discretos e tamanhos menores, que aliam conforto e eficiência, assim, é possível ouvir bem quebrando a barreira do preconceito. As múltiplas funções disponíveis nos modelos atuais permitem até ouvir música ou se conectar com o celular ou tablet. Conheça nossas linhas de aparelhos auditivos aqui!

DEFICIÊNCIA AUDITIVA NO ABC

Dados do Senso 2010 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apontam que existem cerca de 538.744 pessoas com algum tipo de deficiência em Santo André, São Bernardo, Diadema e Mauá. O número equivale a 30% da população total desses quatro municípios.

DEFICIÊNCIA AUDITIVA NO BRASIL E NO MUNDO

No Brasil, não é difícil encontrar crianças, jovens, adultos e, principalmente, idosos que sofrem com a perda de audição. Na terceira idade o problema aparece com ainda mais frequência. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a perda auditiva acomete um terço da população acima de 65 anos e metade daqueles com mais de 75 anos.

Ainda segundo a OMS, a deficiência auditiva é o mais frequente déficit sensorial da população humana, afetando mais de 360 milhões de pessoas no mundo todo. No Brasil, mais de 15 milhões sofrem com o problema e, destes, aproximadamente 60% ignoram a doença.

Conheça as vantagens do mercado de aparelhos auditivos!

Quer saber mais sobre os benefícios de ter uma franquia Direito de Ouvir? Acesse!

 

INFORMAÇÕES SOBRE A DIREITO DE OUVIR DIADEMA

Data de inauguração: 14 de junho de 2016

Endereço: Avenida Alda, 272, Centro